Fim de semana com tempo instável.

Nesta sexta-feira e fim de semana estaremos sob o domínio de um sistema de alta pressão com seu núcleo no oceano, facilitando a circulação marítima. Ao mesmo tempo áreas de instabilidade avançarão pelo interior. Essas duas condições deixarão o tempo instável no fim de semana e boa parte da próxima semana com volumes mais significativos de chuva. Precipitação estimada para 10 dias em torno de 80 mm, mas alguns modelos apostam em valores maiores, superiores a 140 mm.

Observe a imagem de satélite deste início de manhã, nebulosidade presente em Santa Catarina e áreas de instabilidades (colorido) sobre Argentina e Paraguai.

Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Infravermelho + realce – dia 30/09/2016 – Hora local: 05:45 – Sul do Brasil. Fonte: RAMSDIS Online - Central and South America and the Caribbean, Cooperative Institute for Research in the Atmospere, Colorado State University, EUA, modificado por LabClima/UNIVALI.
Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Infravermelho + realce – dia 30/09/2016 – Hora local: 05:45 – Sul do Brasil.
Fonte: RAMSDIS Online – Central and South America and the Caribbean, Cooperative Institute for Research in the Atmospere, Colorado State University, EUA, modificado por LabClima/UNIVALI.

Esta sexta-feira e fim de semana o predomínio será da nebulosidade com chuva ocasional. Possíveis aberturas de sol, mas de forma rápida. As temperaturas mínimas ficarão entre 12/14°C e máximas entre 18/22°C.

Ventos variando entre sudeste e leste nesta sexta-feira e sábado, e entre leste e nordeste no domingo. A intensidade será suave com rajadas de até 30 km/h.

Em nossas praias ondas de sudeste com até 1 metro na sexta-feira e sábado. No domingo ondas entre leste e sudeste com até 1 metro com tendência de aumento.

O início da próxima semana será chuvoso, com rajadas mais fortes de vento e mar agitado com ondas de 1,5 metros em nossas praias.

 

Quinta-feira com sol, mas tempo instável no fim de semana.

O sistema de alta pressão que atuava sobre nossa região se afasta para o oceano facilitando a circulação marítima, e áreas de instabilidade entrando pelo interior deixarão o tempo instável no fim de semana.

Observe a imagem de satélite deste início de manhã, nebulosidade esparsa no estado e áreas de instabilidade (colorido/cinza) sobre a Argentina, Paraguai e oeste catarinense.

Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Infravermelho + realce – dia 29/09/2016 – Hora local: 05:45 – Sul do Brasil. Fonte: RAMSDIS Online - Central and South America and the Caribbean, Cooperative Institute for Research in the Atmospere, Colorado State University, EUA, modificado por LabClima/UNIVALI.
Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Infravermelho + realce – dia 29/09/2016 – Hora local: 05:45 – Sul do Brasil.
Fonte: RAMSDIS Online – Central and South America and the Caribbean, Cooperative Institute for Research in the Atmospere, Colorado State University, EUA, modificado por LabClima/UNIVALI.

Esta quinta-feira será de sol com aumento da nebulosidade para o fim do dia. A temperatura mínima foi de 13°C e a máxima chegará aos 24°C. Ventos com intensidade fraca à moderada com rajadas de até 45 km/h.

Na sexta-feira e fim de semana o predomínio será da nebulosidade. Condições de chuva ocasional no sábado e domingo. As temperaturas mínimas ficarão entre 13/15°C e as máximas entre 18/21°C.

Ventos de sudeste na sexta-feira e girando para nordeste no sábado com intensidade suave e rajadas de até 25 km/h.

Em nossas praias ondas de sudeste com até 1 metro.

A próxima semana será instável. Predomínio da nebulosidade com chuva. Totais de chuva previsto em torno de 90 mm. Ventos fortes na segunda-feira com rajadas de até 50 km/h.

 

Terça-feira com sol e frio.

A semana continua sob a influência de uma massa de ar mais fria e seca, por enquanto sobre o continente. Na quarta-feira afasta-se para o oceano e assim facilitará a circulação marítima e uma maior variação da nebulosidade. No fim de semana áreas de instabilidades entrarão pelo interior do estado e deixarão o tempo instável com predomínio das nuvens e chuva.

Observe a imagem de satélite deste início de manhã, pouca nebulosidade sobre Santa Catarina.

 

Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Infravermelho + realce – dia 27/09/2016 – Hora local: 04:40 – Sul do Brasil. Fonte: RAMSDIS Online - Central and South America and the Caribbean, Cooperative Institute for Research in the Atmospere, Colorado State University, EUA, modificado por LabClima/UNIVALI.
Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Infravermelho + realce – dia 27/09/2016 – Hora local: 04:40 – Sul do Brasil.
Fonte: RAMSDIS Online – Central and South America and the Caribbean, Cooperative Institute for Research in the Atmospere, Colorado State University, EUA, modificado por LabClima/UNIVALI.

O sol predominará nesta terça e quarta-feira com poucas nuvens. Chance de nevoeiros isolados. As temperaturas ficarão entre 10/24°C.

Para quinta e sexta-feira o sol aparecerá, mas com variação na nebulosidade entre algumas/muitas nuvens. As temperaturas ficarão entre 13/24°C.

No fim de semana o predomínio será da nebulosidade. No sábado ainda teremos algumas aberturas de sol. Condições de chuva no sábado à noite e durante o domingo. As temperaturas ficarão entre 14/21°C.

Semana de ventos variáveis com intensidade fraca à suave e rajadas de até 30 km/h.

Em nossas praias ondas de sudeste com meio metro nesta terça e quarta-feira. Para quinta, sexta-feira e fim de semana ondas com até 1 metro.

O início da próxima semana terá tempo instável com chuva significativa. Totais previsto em torno de 70 mm. Rajadas mais fortes de vento na segunda e terça-feira com até 45 km/h.

 

Semana começa com sol e frio.

A semana começa sob a influência de um anticiclone, ou seja, uma massa de ar mais fria e seca que deixará o tempo bom e com frio. No decorrer da semana, essa massa de ar se deslocará em direção ao oceano facilitando a circulação marítima, e a maior variação da nebulosidade. No fim de semana uma nova frente fria passará por Santa Catarina trazendo instabilidade e condições de chuva.

Observe a imagem de satélite deste início de manhã, nebulosidade esparsa no estado.

Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Infravermelho + realce – dia 26/09/2016 – Hora local: 06:40 – Sul do Brasil. Fonte: RAMSDIS Online - Central and South America and the Caribbean, Cooperative Institute for Research in the Atmospere, Colorado State University, EUA, modificado por LabClima/UNIVALI.
Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Infravermelho + realce – dia 26/09/2016 – Hora local: 06:40 – Sul do Brasil.
Fonte: RAMSDIS Online – Central and South America and the Caribbean, Cooperative Institute for Research in the Atmospere, Colorado State University, EUA, modificado por LabClima/UNIVALI.

Nesta segunda, terça e quarta-feira teremos o predomínio do sol com poucas nuvens. Alguma chance de nevoeiro isolado. As temperaturas ficarão entre 11/23°C.

Na quinta e sexta-feira teremos sol, mas com variação na nebulosidade entre algumas/muitas nuvens. Condições de nevoeiros. As temperaturas ficarão entre 13/26°C.

O fim de semana será instável. No sábado a nebulosidade aumentará no decorrer do dia com pancadas de chuva a noite. O domingo terá o predomínio das nuvens com chuva. As temperaturas ficarão entre 14/20°C.

Esta semana terá ventos variáveis. No início da semana entre sudoeste e sudeste e depois entre noroeste e nordeste. A intensidade ficará entre fraca à suave com rajadas de até 35 km/h.

Em nossas praias predomínio das ondas de sudeste. No início da semana com até meio metro e a partir de quinta-feira com até 1 metro.

 

 

Sol com nebulosidade variável neste fim de semana.

Hoje uma nova frente fria se desloca pelo sul do país, passando em nossa região no sábado, mas sobre oceano.

Observe a imagem de satélite neste início de dia, nebulosidade mais concentrada entre o litoral e o planalto catarinense.

Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Infravermelho + realce – dia 23/09/2016 – Hora local: 05:45 – Sul do Brasil. Fonte: Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) modificado por LabClima/UNIVALI.
Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Infravermelho + realce – dia 23/09/2016 – Hora local: 05:45 – Sul do Brasil.
Fonte: Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) modificado por LabClima/UNIVALI.

Nesta sexta-feira, sábado e domingo o sol aparecerá, mas com variação na nebulosidade, entre algumas/muitas nuvens. Chance de nevoeiros isolados, geralmente na madrugada ou noite.

As temperaturas para sexta-feira ficarão entre 16/26°C. Já para o fim de semana entre 12/23°C. Ventos de noroeste e nordeste nesta sexta-feira e de sudoeste e sudeste no fim de semana com intensidade fraca à suave e rajadas de até 30 km/h.

Em nossas praias ondas de sudeste com até 1 metro. Fora da costa mar agitado neste fim de semana e começo de semana com ondas de até 3,5 metros. Situação de cautela na navegação.

A próxima semana começará com predomínio do sol e frio com pouca chance de chuva e nevoeiros isolados no mínima até quinta-feira.

 

O tempo nesta quinta-feira.

Estamos sob a influência de um anticiclone. Na sexta-feira uma nova frente fria se desloca pelo sul do país, passando em nossa região no sábado, mas sobre oceano.

Observe a imagem de satélite neste início de dia, nebulosidade mais concentrada entre o litoral e o planalto catarinense.

Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Infravermelho + realce – dia 22/09/2016 – Hora local: 06:40 – Sul do Brasil. Fonte: RAMSDIS Online - Central and South America and the Caribbean, Cooperative Institute for Research in the Atmospere, Colorado State University, EUA, modificado por LabClima/UNIVALI.
Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Infravermelho + realce – dia 22/09/2016 – Hora local: 06:40 – Sul do Brasil.
Fonte: RAMSDIS Online – Central and South America and the Caribbean, Cooperative Institute for Research in the Atmospere, Colorado State University, EUA, modificado por LabClima/UNIVALI.

Desta quinta-feira até o fim de semana teremos a presença com variação na nebulosidade, entre algumas/muitas nuvens. Chance de chuvisco e/ou nevoeiros isolados, geralmente na madrugada ou noite.

As temperaturas mínimas ficarão entre 12/15°C e as máximas entre 21/23°C. Ventos variáveis com intensidade fraca à suave e rajadas de até 40 km/h.

Em nossas praias ondas de sudeste com até 1 metro.

Por enquanto chuva mais significativa somente para segunda semana de outubro.

 

A primavera começará nesta semana.

A primavera astronômica começará na quinta-feira às 11 horas e 21 minutos. Astronômica por causa do equinócio de primavera para nós, onde o dia e a noite terá duração igual, ou seja, 12 horas. A primavera climatológica já começou no início de setembro.

A primavera é uma estação de transição. Sua primeira metade mantém as características do inverno e sua segunda metade do verão. Neste ano estará sob a influência da neutralidade climatológica. O oceano pacífico está frio, mais não o suficiente para caracterizar com La Niña, e esta condição se mantém no mínimo até janeiro com viés de frio, depois ainda continuará até abril com viés para o calor (figura 1).

Fonte: NWS/NCEP/CPC – NOAA, EUA.
Fonte: NWS/NCEP/CPC – NOAA, EUA.

Os modelos internacionais por consenso indicam que teremos precipitação na média e abaixo da média para os meses de outubro, novembro e dezembro. Quanto à temperatura colocam temperatura na média e acima de média histórica para este trimestre.

Para Itajaí a média das temperaturas máximas para os meses de outubro, novembro e dezembro são de 24,4°C, 26,5°C e 28,3°C respectivamente. A média das temperaturas mínimas são 16,6°C, 18,1°C e 19,7°C. A média histórica de precipitação para o trimestre é de 151, 144 e 158 mm.

O tempo nesta semana terá poucas mudanças. Hoje predomínio do sol. A partir de amanhã e até o fim de semana teremos sol, mas com variação na nebulosidade entre algumas/muitas nuvens. Chance de chuviscos isolados e/ou nevoeiros, geralmente na madrugada ou noite devido à circulação marítima. As temperaturas ficarão entre 13/15°C de mínima e entre 22/24°C de máximas.

Em nossas praias a ondulação será de sudeste com até 1,5 metros.