Períodos de sol com pancadas de chuva para os próximos dias.

O tempo não mudará do que vêm ocorrendo nos últimos dias, ou seja, nebulosidade variável com pancadas de chuva. Áreas de instabilidade e a formação de uma nova frente fria amanhã deixará o tempo instável para os próximos dias.

Observe a imagem de satélite dessa manhã a nebulosidade presente no estado, principalmente no oeste catarinense.

Dessa quarta-feira até domingo o céu terá períodos de sol intercalando com períodos de muitas nuvens a algumas nuvens. Condições de pancadas de chuva a qualquer momento e trovoada isolada. Totais de chuva para os próximos 10 dias em torno de 50 mm.

O calor e a sensação de abafamento continuarão com máximas entre 31/34°C, dando um pequeno refresco no fim de semana com máximas entre 26/28°C.

Ventos variáveis com intensidade fraca à suave e rajadas moderadas com até 35 km/h.

Em nossas praias ondas entre nordeste e leste com até 1 metro nessa quarta e quinta-feira. Na sexta-feira e fim de semana ondas entre leste e sudeste com 1 metro e algumas séries maiores.

Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Visível – dia 30/12/2015 – Hora local: 09:10 – Sul do Brasil.
Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Visível – dia 30/12/2015 – Hora local: 09:10 – Sul do Brasil.

Fonte: RAMSDIS Online – Central and South America and the Caribbean, Cooperative Institute for Research in the Atmosphere, Colorado State University, EUA, modificado por LabClima/UNIVALI.

 

Semana de sol com pancadas de chuva e trovoada.

Essa semana não será diferente da última semana. Áreas de instabilidade e o deslocamento de uma nova frente fria na quinta-feira deixarão o tempo instável.

Nessa segunda-feira muitas nuvens com chuva a qualquer momento. De terça-feira até o domingo teremos nebulosidade variável, com períodos de muitas nuvens a algumas nuvens, condições de pancadas de chuva e trovoada isolada.

Totais de chuva para os próximos 10 dias em torno de 95 mm.

As temperaturas continuarão altas com máximas entre 28/32°C. Ventos variáveis com intensidade fraca e rajadas mais fortes em momentos de trovoada.

Em nossas praias ondas entre nordeste e leste com até 1 metro.

Observe a imagem de satélite desse início de manhã muita nebulosidade em Santa Catarina.

Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Visível – dia 28/12/2015 – Hora local: 07:40 – Sul do Brasil.
Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Visível – dia 28/12/2015 – Hora local: 07:40 – Sul do Brasil.

Fonte: RAMSDIS Online – Central and South America and the Caribbean, Cooperative Institute for Research in the Atmosphere, Colorado State University, EUA, modificado por LabClima/UNIVALI.

O tempo continuará instável até o fim de semana.

Áreas de instabilidade e o deslocamento de uma frente fria em direção ao estado deixará o tempo instável até o fim de semana. Observe a imagem de satélite desse início de dia muita nebulosidade em Santa Catarina e fortes áreas de instabilidade na divisa com o Rio Grande do Sul (colorido).

Dessa quinta-feira até o domingo teremos muita nebulosidade, alguns períodos de sol, pancadas de chuva com trovoada. Chance de chuva mais forte em alguns momentos.

Totais de chuva para os próximos 10 dias em torno de 200 mm. Para a próxima semana o tempo não mudará muito, mas com maiores períodos de sol.

O calor continuará com máximas variando entre 28/32°C. O vento será variável com intensidade geralmente fraca. Condições de rajadas moderadas a fortes em momentos de temporais.

Em nossas praias ondas entre leste e nordeste com até 1 metro.

Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Infravermelho + realce – dia 24/12/2015 – Hora local: 06:40 – Sul do Brasil.
Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Infravermelho + realce – dia 24/12/2015 – Hora local: 06:40 – Sul do Brasil.

Fonte: RAMSDIS Online – Central and South America and the Caribbean, Cooperative Institute for Research in the Atmosphere, Colorado State University, EUA, modificado por LabClima/UNIVALI.

O verão começou hoje na madrugada.

Nessa madrugada às 02 horas e 48 minutos começou o verão astronômico, ou seja, o solstício de verão para o hemisfério sul onde estaremos recebendo maior quantidade de energia do sol.

Esse verão será sob a influência do El Niño. O mesmo segue até maio, mas perdendo a força. Os modelos indicam chuva e calor acima da média histórica para essa estação.

Esse ano com exceção dos meses de janeiro, abril e agosto que tiveram chuva abaixo da média histórica, os demais meses tiverem chuva acima dessa média. Esse mês de dezembro até hoje, já choveu 65% do previsto para o mês. Contudo com o prognóstico de pancadas de chuva mais significativas até o fim do mesmo, também terá chuva acima da média histórica.

O que chama atenção para esse ano, não é a chuva acima da média, mais os dias de chuva nesses meses. Tirando os meses de março e agosto os demais tiveram mais de 20 dias de chuva. O recorde foi o mês de outubro que choveu 28 dias em 31 possíveis. Esse mês dezembro já choveu em 18 dias, ou seja, só não choveu em 4 dias até hoje.

A média histórica de chuva para janeiro é de 229 mm e para fevereiro de 186 mm. A média das temperaturas máximas é de 29°C e a média das temperaturas mínimas é de 21°C. Vento de nordeste predominante para janeiro e sudoeste para fevereiro. A nebulosidade também se faz presente nessa estação. Em janeiro 70% do tempo o céu ficará entre parcialmente nublado a nublado e 69% para fevereiro.

Nessa terça-feira teremos sol entre algumas nuvens com condições de pancadas de chuva. Faz calor com máxima entre 31/33°C e a sensação de calor chega próximo aos 43°C.

De quarta-feira até o fim de semana muitas nuvens intercalando com alguns períodos de sol e pancadas de chuva com trovoada isolada. Chance de chuva mais forte em alguns momentos. Totais de chuva para os próximos 10 dias em torno de 135 mm. As temperaturas máximas ficarão na faixa de 30/32°C.

Em nossas praias ondas entre leste e nordeste com até 1 metro.

Observe a imagem de satélite desse início de dia que temos nebulosidade concentrada próxima ao litoral e poucas nuvens no oeste.

Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Visível – dia 22/12/2015 – Hora local: 07:40 – Sul do Brasil.
Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Visível – dia 22/12/2015 – Hora local: 07:40 – Sul do Brasil.

Fonte: RAMSDIS Online – Central and South America and the Caribbean, Cooperative Institute for Research in the Atmosphere, Colorado State University, EUA, modificado por LabClima/UNIVALI.

Semana terá tempo instável.

A semana terá tempo instável devido a circulação marítima e áreas de instabilidade. Observe a imagem de satélite desse início de manhã nebulosidade presente no estado.

Dessa segunda-feira até o fim de semana o predomínio será da nebulosidade, algumas aberturas de sol, condições de pancadas de chuva e trovoada ocasional. Chance de chuva mais forte na sexta-feira de natal e no sábado. Somente a terça-feira será diferente com bons períodos de sol. De quarta-feira para frente muitas nuvens com chuva.

Totais de chuva para os próximos 10 dias em torno de 145 mm.

Semana com sensação de abafamento. As temperaturas mínimas ficarão entre 21/23°C e às máximas entre 28/32°C.

Ventos variáveis com intensidade fraca e rajadas moderadas com até 30 km/h.

Em nossas praias ondas entre leste e nordeste com até 1 metro.

Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Visível – dia 21/12/2015 – Hora local: 07:40 – Sul do Brasil.
Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Visível – dia 21/12/2015 – Hora local: 07:40 – Sul do Brasil.

Fonte: RAMSDIS Online – Central and South America and the Caribbean, Cooperative Institute for Research in the Atmosphere, Colorado State University, EUA, modificado por LabClima/UNIVALI.

O tempo no fim de semana.

Uma frente fria desloca-se em direção ao estado. Observe a imagem de satélite desse início de manhã muitas nuvens sobre o Rio Grande do Sul (frente fria) e esparsa no estado.

Essa sexta-feira começa com sol, mas a nebulosidade aumenta no decorrer do dia com condições de pancadas de chuva a partir da tarde. Chance de trovoada isolada. Faz calor hoje com máxima chegando próximo dos 34°C.

Para sábado e domingo o predomínio será da nebulosidade, possíveis aberturas de sol com pancadas de chuva. No sábado condições de trovoada e chuva mais forte. Ainda faz calor no sábado com temperatura máxima de 31°C e no domingo à máxima ficará em 24°C.

Totais de chuva para os próximos 10 dias entre 80 a 120 mm.

Ventos variáveis com intensidade fraca à suave. Condições de rajadas moderadas a fortes com até 40 km/h.

Em nossas praias ondas de entre sudeste e leste com meio metro.

Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Visível – dia 18/12/2015 – Hora local: 07:40 – Sul do Brasil.
Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Visível – dia 18/12/2015 – Hora local: 07:40 – Sul do Brasil.

Fonte: RAMSDIS Online – Central and South America and the Caribbean, Cooperative Institute for Research in the Atmosphere, Colorado State University, EUA, modificado por LabClima/UNIVALI.

O tempo na quinta-feira.

Observe a imagem de satélite desse início de manhã nebulosidade concentrada entre o litoral e o planalto catarinense. Amanhã uma nova frente fria desloca-se em direção ao estado.

Hoje teremos nebulosidade variável com pancadas de chuva. A temperatura máxima chegará próximo dos 30°C.

Para sexta-feira muitas nuvens, aberturas de sol, pancadas de chuva e trovoada. Faz calor com máxima chegando próximo dos 33°C.

No sábado predomínio da nebulosidade com pancadas de chuva e trovoada. Ainda faz calor com máxima entre 30/32°C. O domingo terá chuva na madrugada/início do dia, muitas nuvens e possíveis aberturas de sol.

Totais de chuva para os 10 dias em torno de 85 mm.

Em nossas praias ondas entre nordeste e leste para hoje. Amanhã e fim de semana ondas entre leste e sudeste com meio metro.

Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Visível – dia 17/12/2015 – Hora local: 07:40 – Sul do Brasil.
Imagem do satélite GOES 13/NOAA/EUA – Canal do Visível – dia 17/12/2015 – Hora local: 07:40 – Sul do Brasil.

Fonte: RAMSDIS Online – Central and South America and the Caribbean, Cooperative Institute for Research in the Atmosphere, Colorado State University, EUA, modificado por LabClima/UNIVALI.